segunda-feira, 18 de maio de 2015

16 coisas que aprendi nos meus 16 anos de existência

16 anos são muitos dias. Posso dizer que já tenho uma ínfima percentagem de experiência de vida e esses 0,0001% de informação que recolhi durante estes anos devem ser absorvidos e nunca mais esquecidos. Gosto de fazer listas de coisas que aprendi para que mais tarde possa rele-las e ter a certeza que ainda não esqueci nenhuma. Algumas delas são bastante básicas mas demora-se o seu tempo a interiorizá-las.

1º- Ser feliz é muito mais fácil. Acordar de manhã e sorrir faz toda a diferença

2º- Quando não te adaptas a um certo grupo ou lugar, a culpa não é tua, é do meio, por isso não te conformes e muda até encontrares o teu happy place.

3º- Não deixes que ninguem tome decisões por ti. Faz aquilo que te deixa feliz.

4º- Aprende a rir-te das tuas próprias falhas. Ninguém é perfeito.

5º- Aprende a arriscar e a fazer "aquilo que não é suposto" every once in a while

6º- Não deixes o pensamento dos outros influenciar o teu.

7º- Não mudes a tua maneira de falar, vestir, penar e agir só porque não é "igual a toda a gente".

8º- Não deixes que a opinião dos outros te faça sentir mal pelas tuas ações. Se te deixaram felizes no momento então não há razão para sentir vergonha.

9º- Vão chegar alturas em que as pessoas que mais gostas te vão desiludir. Tens de aprender a lidar com isso.

10º- Trata os teus verdadeiros amigos como nunca mais os fosses ver.

11º- Não tenhas medo de sorrir e dizer que és feliz.

12º- Sonhar é bom, mas nunca cries demasiadas expetativas.

13º- Se queres algo, luta por isso e não esperes que te caia aos pés.

14º- Não percas a fé na sorte. É quando menos esperas que as coisas mais maravilhosas acontecem.

15º- Confia mais nas pessoas, elas podem surpreender te se te deres a conhecer melhor. 

16º- It's okay not to be okay. o mais importante de tudo é aceitares-te a ti própria, com todos as tuas maravilhosas qualidades e defeitos. São eles que fazem de ti única. Nunca te compares a outra pessoa e pensa que podes ser sempre a melhor versão de ti própria. não faz mal estar em baixo se no dia seguinte te ergueres para começar de novo. 


© Uma colher de arroz
Maira Gall