sexta-feira, 31 de outubro de 2014

Inveja: um campo de minas a evitar

A inveja é o prato do dia na sociedade de hoje e a verdade é que vivemos num  mundo social que se baseia nas comparações. Algumas delas são saudáveis, por exemplo, quando nos comparamos a um colega de turma em relação à nossa produtividade . Essa comparação pode tornarnos mais motivados e até melhorar o nosso desempenho. Contudo, quando essas comparações passam a inveja e cobiça tornam-se num verdadeiro problema. Concentramos-nos mais na vida e feitos das outras pessoas do que em nós próprios. Isto muitas vezes faz-nos sentir pouco realizados e inferiorizados além de que nos corrói por dentro (quantas vezes já ficaste roída de inveja por uma rapariga, que admitamos, não és grande fã, arranje um namorado e tu continues solteira, ou então, quando adoras a roupa de uma das tuas amigas e ficas deprimida porque gostavas de ter o mesmo estilo mas simplesmente não consegues?). A inveja é um veneno que nos polui a alma e é do nosso interesse evitar. Eu própria tento lembrar-me de alguns aspectos que me ajudam a evitar este parasita (porque a inveja só sobrevive enquanto tiver uma fonte de alimento, que neste caso é a nossa mente):

1. Dá menos importância às redes sociais. O facebook em particular, é uma máquina de cobiça e desejo; portanto quanto menos tempo passares a stalkar a vida  das outras pessoas, mais fácil será evitar as comparações e sentires-te inferiorizada pela quantidade de amigos que X tem ou as férias espetaculares que Y passou....

2. Sê positiva. Se olhares o mundo com outros olhos tudo te vai parecer mais fácil. Ajuda também os outros pois esses atos vão fazer-te sentir valorizada e útil.

3. Sê o teu melhor "EU". Quantas vezes estás naqueles dias "não" em que não te apetece fazer nada e respondes torto a toda a gente? Pois bem, deves evitar estes dias ao máximo e tentar sempre superar-te a ti própria e ultrapassar as tuas dificuldades. Claro que todos temos pessoas que admiramos e tentamos imitar. Não estou a dizer que seja mau, mas no fim do dia não te podes esquecer que és tu que tens de "lavrar" o teu próprio caminho e não usar atalhos construídos por outros.

4. Ninguém é perfeito. Todos temos aquele amigo cuja vida parece ir lindamente: tem sucesso, é bonito e tem uma vida social mais preenchida que as kardashians. Mas nem tudo o que parece é. Todos passamos momentos difíceis, temos inseguranças e problemas, e muitas vezes usamos "máscaras" para ocultar esses "podres" ao resto das pessoas. Nós nunca sabemos a história completa por isso, não vale a pena queixarmos-nos de como a vida de um certo amigo é perfeita em relação à nossa.

5. Festeja as tuas vitórias. Uma maneira eficaz de te sentires feliz e valorizada? Celebra as tuas vitórias, sejam elas uma boa nota num teste ou teres tido a coragem de usar uma roupa vistosa que sai da tua zona de conforto. Por mais pequena que seja não deve ser menosprezada.



Estes são os máximos que tento seguir para que a minha vida seja o mais possível "inveja-free" e por enquanto, posso dizer que estão a resultar.
© Uma colher de arroz
Maira Gall